Home » Notícias » É hora de renovar a esperança

É hora de renovar a esperança

RenovarEsperanca_Blog

O mês de dezembro e, assim, o final do ano estão chegando e o pensamento de muitas pessoas é o mesmo nessa época: que 2015 termine logo e que o próximo ano venha com a esperança de dias melhores e uma realidade cotidiana que nos mantenham vivos, por meio da almejada paz. Seria esta a principal vontade que hoje passa por sua cabeça, quando enxergamos o que acontece ao nosso redor?

Infelizmente com as dificuldades do país, recentes desastres – como a tragédia ocorrida em Mariana, Minas Gerais –, e até mesmo no mundo, como o que aconteceu recentemente em Paris, na França, muitos deixam de acreditar que a paz e a felicidade sejam possíveis.

Por isso nós, líderes do Movimento pela Moradia, lembramos e reforçamos a importância de cada brasileiro continuar fazendo sua parte em prol da vida, a favor de todas as coisas boas que são possíveis, apenas por gestos simples – que podem e devem partir de cada um de nós.

Se 2015 foi, e ainda está sendo, um ano de crise econômica e muitas adversidades, é preciso separar a visão política do brasileiro, ou seja, o Brasil é uma coisa e os problemas tem que serem vistos como outra coisa. A esperança, a luta, a perseverança de cada um não tem que depender diretamente e unicamente da instabilidade financeira do país, muito pelo contrário, é preciso acreditar e lutar cada vez mais.

As oportunidades do Movimento pela Moradia, todos os projetos, reuniões, assembleias, encontros são alguns dos exemplos que renovam a esperança de um futuro e até presente melhores para todos. Quem não quer ter seu esforço recompensado? Sua casa própria? Seu lar? Viver em segurança e em paz?

É importante olharmos neste momento, de crise e de tragédias no Brasil e no mundo, para aquilo que de fato importa e que realmente valorizamos e focar energias para um movimento positivo que de fato possa contribuir para a mudança de perspectiva de cada indivíduo e assim mudarmos o país.

Faça essa reflexão… E continue contando com o Movimento pela Moradia!

Deixe uma resposta

Rolar para o topo